Certificados de Aforro

Dezembro 28 2010

Taxa a pagar pelo Estado não deverá ir além de 1,118%.

Se 2010 não foi um ano positivo para os Certificados de Aforro, o arranque de 2011 também não é optimista. Quem subscrever ou efectuar a revisão trimestral do juro em Janeiro será confrontado com uma nova redução na remuneração no produto de poupança do Estado.

Apesar de a taxa de juro a pagar em Janeiro só poder ser calculada com precisão hoje, o Diário Económico antecipou-se. Fez as contas e verificou que o retorno vai inverter a tendência de crescimento mensal registada desde Outubro. Em Dezembro, o Governo está a pagar 1,134%. Mas o juro não deverá ir além de 1,118% no próximo mês.

fonte:http://economico.sapo.pt/

publicado por adm às 00:49

Tudo sobre os Certificados de Aforro aqui
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links